Estado participa de evento da Cocamar que amplia discussões sobre sustentabilidade no campo
19/01/2023 - 17:05

A Secretaria da Agricultura e do Abastecimento do Paraná participou nesta quarta-feira (18) da abertura da Safratec Cocamar 2023. Técnicos do Estado enfatizaram a necessidade do Paraná continuar a desenvolver uma agricultura que se renova e que se sustenta para garantir que o Brasil e o Estado se mantenham como grandes fornecedores de fibra e proteína.

Realizado em Floresta, no Noroeste do Paraná, o evento apresenta novas tecnologias, oferece palestras técnicas e tem uma série de iniciativas voltadas à sustentabilidade – como Integração Lavoura-Pecuária-Floresta, incentivo à apicultura nas propriedades rurais, conservação de nascentes, geração de energia solar. O encontro abre as comemorações pelos 60 anos da Cooperativa Cocamar, criada em março de 1963.

A produção sustentável foi destacada pelo secretário Norberto Ortigara como estratégia fundamental para a agricultura. "O importante é fazer cada vez mais com menos recursos, cada vez mais voltado para o natural, para o biológico, para o bioinsumo sem discriminação de outros métodos", incentivou.

"Fazendo bem feito, com inovação, tratando com carinho o nosso solo, a gente vai muito longe. O Brasil terá muita relevância no mundo do alimento e, dentro dele, o Paraná, que tem a melhor agricultura do Brasil, fruto da persistência dos agricultores, do bom tratamento do solo, do modelo que a gente construiu, será referência", complementou.

A balança comercial da agropecuária brasileira deixou no Tesouro do País, no ano passado, R$ 150 bilhões líquidos – no Paraná foram quase R$ 15 bilhões. Em dez  anos, o agro trouxe R$ 895 bilhões em dividendos. "O agro protege nossa economia e nossos negócios. Nós estamos nos empenhando para isso e a parceria com a Cocamar ajuda a manter esse ambiente ótimo para a produção", salientou.

O presidente do IDR-Paraná, Natalino Avance de Souza, ressaltou a importância de observar os maquinários modernos e os frutos das pesquisas no Safratec. "É uma oportunidade de pensar no nosso desafio e nosso negócio. O Paraná alcançou esse patamar trabalhando de maneira integrada. Esse movimento não podemos perder de vista", disse.

O presidente executivo da Cocamar, Divanir Higino, saudou dezenas de pessoas que compareceram à abertura do evento, que se estende até esta quinta feira (19). "Este é um dos trabalhos mais nobres da cooperativa, que é oferecer conhecimento, trazer a pesquisa, mostrar na prática o que é possível ser feito para garantir melhoria na produção", disse. "Quando o produtor planta, ele planta fé, planta esperança, e espera excelente produção. Tudo mostra que estamos caminhando para isso".

SAFRATEC – Principal vitrine tecnológica do agro regional, com a participação de dezenas de empresas parceiras e a apresentação de vários protocolos técnicos, pautados pela inovação, o Safratec inaugura também a programação comemorativa dos 60 anos da Cocamar e faz parte, ainda, das celebrações dos 50 anos da Embrapa, instituição com a qual a cooperativa desenvolve, historicamente, uma série de trabalhos. 

A previsão é, nos dois dias, reunir mais de 6 mil produtores dos estados do Paraná, São Paulo e Mato Grosso do Sul, além de especialistas, pesquisadores, representantes de empresas parceiras participem da feira. Além de oito estações técnicas, várias das quais conduzidas por pesquisadores da Embrapa, o Safratec, em sua 35ª edição, oferece uma série de atrações, como agricultura de precisão e conectividade das máquinas, espaço de aquicultura, além das iniciativas voltadas à sustentabilidade.

Após uma pausa por conta da pandemia (2021 e 2022), o Safratec retorna com versão presencial e mantém a versão digital, com o conteúdo do evento ficando disponível na internet.

GALERIA DE IMAGENS